Push notification: uma forma alternativa de se comunicar

Você está navegando na web, no seu computador, e de repente aparece uma caixinha de diálogo oferecendo alguma promoção, um conteúdo novo, um convite para uma ação. Já aconteceu com você? Então, você já foi impactado por um push notification!

Essa ferramenta, embora já exista há muito tempo (como veremos mais adiante), começou a ser explorada há pouco tempo. Principalmente, pelo marketing. Tornou-se uma prática com bons resultados quando o assunto é vender, gerar leads ou aumentar seu tráfego.

Quer descobrir o que é exatamente o push notification e como utilizar isso na estratégia de comunicação com seu usuário? É isso que vamos explicar ao longo desse artigo.

Push notification

O que é push notification?

A palavra “push”, em inglês, significa “empurrar”. Ao pé da letra, push notifications são “notificações empurradas” ao usuário. Ou seja, conteúdos oferecidos de maneira irresistível, difíceis de serem ignorados.

Para você entender melhor essa lógica, vamos a um exemplo clássico. No seu celular, quando alerta um aviso da chegada de e-mail ou do comentário de um seguidor em uma publicação sua, aparece uma notificação, certo? Sim, um push notification do aplicativo. Você não fica tentado a abrir e conferir o conteúdo?

Por esse motivo mesmo que a push notification tem sido uma ferramenta bastante útil para o marketing. Permite o contato com o público de maneira mais efetiva, engaja os usuários e os mantém atualizados sobre novos conteúdos, produtos e serviços.

Os sites e blogs estão adotando cada vez mais a push notification. Assim que o usuário entra no site, já é impactado por uma notificação, pedindo a permissão para enviar push notifications. Se você se interessa pelo conteúdo do Eu Sou Empreendedor, ative as notificações para ficar por dentro de todas as novidades!

push notification

Assim, caso você permita, as notificações são enviadas pelo navegador, mesmo que você esteja fazendo outra atividade online. É aquela caixinha de diálogo que aparece no canto direito e leva a um determinado link, caso você clique.

Dependendo do objetivo do seu negócio, a push notification pode ter diferentes objetivos. Alguns deles:

Melhorar a experiência do usuário;

Promover produtos e/ou serviços;

Converter usuários em clientes;

Alavancar as vendas;

Fidelizar clientes.

Como surgiu o push notification

A tecnologia da push notification tem origem nos aplicativos mobile, principalmente nas redes sociais. Depois, atingiu os navegadores. O Chrome habilitou essa ferramenta em março de 2015. Já o Firefox, outro grande navegador, habilitou essa funcionalidade no começo de 2016.

O que poucos sabem é que o conceito de push é bem mais antigo do que o mobile. Os mais velhos devem lembrar dos serviços de RSS, idealizados em 1995 pela Apple. Eles sempre apareciam em sites e blogs, para informar os usuários sobre novos textos.

Outro serviço que usa o conceito de push notification é o Short Message Service (SMS). Com a chegada dos smartphones, o push notification passou a ser padronizado pelos principais fabricantes de celulares e desenvolvedores de sistemas operacionais.

Como usar o push na sua comunicação

Inovar no negócio atrai e fideliza clientela

Antes de dar exemplos das melhores estratégias para o uso do push notification, vamos listar três regras básicas que você tem que seguir:

 Evite enviar push para todos os conteúdos novos, sem critério nenhum;

 Priorize informações úteis e relevantes para o seu cliente;

  Suas mensagens devem conter no máximo 100 caracteres, por isso precisem ser sempre muito objetivas.

Baseando-se nesses três pilares principais, você pode fazer uso do push notification de várias formas. Seja criativo e conheça a fundo seu público-alvo. E utiliza essa funcionalidade de acordo com sua estratégia para alcançar um objetivo. Pode ser uma conversão, mais tráfego, fidelização ou qualquer tipo de ação do seu cliente.

Confira algumas dicas para usar o push notification:

E-commerce: se esse é o seu tipo de negócio, invista na criação de uma segmentação que notifica os visitantes que abandonaram o carrinho antes de finalizar a compra;

Novos produtos/promoções: envie notificações sobre descontos e novidades no catálogo de produtos e/ou serviços;

Novidades: você pode usar o push notification para informar sobre novos conteúdos e convidar seu usuário a conhecê-los; avise os visitantes do seu site e redirecione-os para a página correspondente;

Atualizações: informe seu cliente sobre o andamento da compra, por exemplo avisando quando o produto foi enviado ou quando está pronto para entrega.

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *