Empresa com dívidas? Saiba como o planejamento financeiro pode ajudar

Consultor empresarial orienta como pode ser realizada a reorganização financeira
Uma das razões que tem tirado o sono de muitos empresários é o negócio estar no vermelho. Empresa com dívidas requer direcionamento financeiro, controle preciso dos gastos e receitas, além da elaboração estratégica de um planejamento financeiro.

O grande problema é que as dívidas geram pressão emocional, estresse, senso de urgência, preocupação e muitas vezes faz com que o empresário tome decisões que no lugar de contribuir, prejudicam ainda mais.

Nesse artigo vamos esclarecer dúvidas sobre as melhores estratégias para renegociar com bancos, a bolha que pode gerar empréstimos a juros altos. Quais são os caminhos para reerguer gradativamente o negócio e ver novamente a empresar lucrar?

Contamos com a participação do consultor empresarial, Marcelo Viana, da T4 Consultoria, especialista em direcionar desde grandes a pequenas empresas.

Diagnóstico financeiro

No diagnóstico financeiro alguns questionamentos serão realizados a fim de identificar qual o caminho a empresa seguiu para chegar numa situação de endividamento.

O consultor de negócios pontua que muitas vezes o empresário realiza empréstimos para investir em novos equipamentos, em novos negócios, melhorias e outros, no entanto, são destinados recursos fora do planejamento financeiro e realizadas sem nenhuma checagem ao fluxo de caixa.

“É essencial que todos os investimentos futuros sejam inclusos no planejamento financeiro da empresa, além de avaliar possíveis riscos, projeções e o posicionamento do negócio no mercado. As empresas necessitam planejar-se para possíveis instabilidades na economia e poder de compra, por exemplo”, ressalta o consultor.

O que também avalia o diagnóstico financeiro:

  • Estabilidade da empresa em relação às finanças;
  • Organização e capacidade de honrar todos os compromissos;
  • Compreensão ampla sobre o mercado em que atua;
  • Organização de estoque e recursos internos.

Como prevenir o endividamento da empresa?

Seguir um planejamento financeiro é o passo crucial para uma empresa com dívidas. No planejamento financeiro, serão projetados investimentos, receitas, custos e resultados obtidos.

Dessa maneira, terá acesso claro sobre a situação econômica do negócio, se é viável ou não fazer investimentos em determinado momento, além de planejar estratégias para aumento da produtividade e lucros.

O consultor alerta que a ausência de planejamento financeiro é o principal fator que leva às empresas ao endividamento e até mesmo a falência.

“Principalmente quando o negócio passa por períodos de lucratividade, é comum o empresário deixar de lado o planejamento financeiro, cálculo de riscos, além de avaliar o posicionamento da empresa no mercado, pontos fortes e fracos antes de partir para qualquer investimento”, pontua.

Os investimentos são necessários para o crescimento da empresa, no entanto, na hora de partir para um empréstimo é recomendado avaliar previamente a viabilidade de acordo com o planejamento financeiro. “Quais são as receitas, lucros e a estabilidade do fluxo de caixa, são pontos cruciais na tomada de decisão”, completa.

Para a reorganização financeira da empresa com dívidas é preciso seguir uma reestruturação financeira e considerar alguns fatores, tais como:

  • Levantamento de todo o saldo devedor junto a credores, fornecedores, funcionários, etc;
  • Compreender o que são custos fixos, custos variáveis e gastos na empresa, sobretudo no setor operacional;
  • Controle, redução dos custos e eliminar gastos;
  • Somar e planejar o pagamento de taxas e impostos;
  • Previsão orçamentária: o quanto a empresa pode lucrar nos próximos meses com base nos dados do histórico financeiro, além de metas estipuladas para o setor comercial;
  • Registro eficiente da movimentação financeira com o auxílio das ferramentas de gestão;
  • A partir da análise dos dados financeiros é possível preparar a empresa para lidar com os diferentes cenários.

Estratégias para aumentar o lucro de uma empresa com dívidas

Quando a empresa está com dívidas, a maior preocupação é quitá-las e sair do vermelho. Não há outro caminho para reverter a situação, exceto criar estratégias focadas no aumento da lucratividade.

Essa não é uma tarefa simples, uma vez que o empresário está passando por pressão, cobranças e riscos de fechar o negócio. A consultoria empresarial apresenta uma visão de fora, estudo sobre o mercado e pode direcionar sobre a melhor estratégia em vendas para essa ocasião.

“Em situações de endividamento é preciso considerar que as estratégias em vendas devem ser focadas nos recursos disponíveis, treinamento da equipe, foco no atendimento e melhor experiência possível ao cliente”, sugere o consultor.

Estabelecer estratégias de competitividade é essencial, exaltar os pontos fortes da empresa e usá-los nesse momento delicado a favor do negócio com o propósito de reverter gradativamente a situação de endividamento para o saldo positivo.

Renegociar ou quitar as dívidas, qual a melhor escolha?

As instituições financeiras costumam sugerir a renegociação como uma medida urgente para remover o CNJP dos órgãos de proteção ao crédito, mas por outro lado aplica juros altíssimos.

O consultor empresarial orienta que todas as negociações com os credores devem ser calculadas cuidadosamente, nenhuma decisão deve ser tomada sob pressão emocional. “A renegociação só é viável se houver redução dos juros, caso contrário, a quitação futura ainda é a melhor possibilidade”, considera o consultor.

Viana complementa que é essencial mostrar-se disponível e apto a negociar com os credores, além de ficar de olho nas boas oportunidades de acordo.

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *