3 tipos de negócio que vão fazer sucesso no e-commerce 2019

A partir de agora, todas as atenções estão voltadas para 2019. Chegou o momento de fazer o balanço do ano que está se encerrando e colocar na ponta do lápis aquilo que se espera para os próximos 12 meses.

Vendas pela internet e-commerce 2019

Pensando nisso, separei três tipos de negócios que vão fazer sucesso no e-commerce no próximo ano para se inspirar.

1. Perfumes

Na segunda posição do ranking mundial sobre o mercado de fragrâncias, de acordo com pesquisa da Euromonitor International, o Brasil segue atrás apenas dos Estados Unidos, com mais de US$ 6,8 bilhões em vendas no ano passado.

E o comércio desse tipo de produto não para de crescer, acompanhando a expansão contínua do mercado da beleza.

Seguindo essa ideia, abrir um e-commerce de perfumes torna-se bastante rentável para quem deseja buscar uma segunda renda ou mesmo a independência financeira em 2019.

Para iniciar é preciso levantar fornecedores, custos e riscos, além de contar com o suporte de uma plataforma de e-commerce capaz de atender todas as necessidades da loja.

Dica de ouro para abrir um e-commerce de perfumes: compre poucos produtos por vez para evitar estoque parado ou mesmo problemas com a alfândega, em caso de perfumes importados.

2. Sex Shop

Hoje, o Brasil tem 11 mil pontos de vendas de produtos eróticos, que geram mais de 100 mil empregos diretos ou indiretos e movimenta mais de R$ 1 bilhão por ano, de acordo com dados da Abeme (Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual).

Mesmo com todos esses números de encher os olhos, antes de abrir um sex shop online é preciso analisar riscos, buscar fornecedores e traçar seu público-alvo. Entretanto, neste caso, há pontos bem específicos que devem ser levados em consideração.

Por ser um nicho que gera muita curiosidade e dúvida do consumidor, é importante sempre manter um chat online (ou outro canal) para responder às perguntas da forma mais natural possível.

Para reforçar esse ponto, ofereça também conteúdos informativos sobre os produtos em um blog, por exemplo.

Dica de ouro para abrir um sex shop online: assegure máxima discrição na compra e na entrega. Não coloque, por exemplo, a logo da sua loja na caixa de envio dos produtos.

Isso pode deixar o cliente desconfortável no momento do recebimento e fazer com que ele nunca mais volte a comprar de você.

3. Suplementos para musculação

Quem achou que a “onda fitness” não passaria de uma marolinha com certeza se impressiona ao ver o crescimento desse segmento por aqui.

Segundo dados do IHRSA Global Report 2018, relatório promovido por uma das maiores representantes do fitness mundial, o Brasil possui quase 35 mil academias, e tudo o que tange esse universo movimenta US$ 2,1 bilhões por ano.

Vender suplementos para musculação online vai ao encontro do sucesso desse mercado e o público é garantido.

Assim como no e-commerce de perfumes e no sex shop, é preciso avaliar riscos, fornecedores e buscar uma plataforma que atenda todas as demandas da nova loja virtual.

Dica de ouro para abrir um e-commerce de suplementos: aposte em conteúdos ricos e mídias pagas para criar sua reputação e gerar vendas. Por ser um nicho atrativo, muitos empreendedores apostam nele.

A concorrência é grande, mas uma estratégia de marketing bem pensada fará com que o seu produto chegue no cliente certo, aumentando suas chances de conversão.

2019 promete! Sucesso, sempre!

Artigo escrito por Thiago Mazeto, head de experiência do cliente da Tray, unidade de e-commerce da Locaweb.

Deixe um comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *